Operação Migração II, da DERFRVA, ganha destaque no noticiário


Ao longo desta terça-feira, diversos veículos de comunicação repercutiram a continuação da Operação Migração II, capitaneada pela DELEGACIA ESTADUAL DE REPRESSÃO A FURTOS E ROUBOS DE VEÍCULOS (DERFRVA), que identificou uma fábrica clandestina de falsificação de placas veiculares na Capital. No local foram apreendidos maquinários, centenas de chapas de placas veiculares, tarjetas, instrumentos utilizados nas falsificações e placas já falsificadas.

Matéria publicada no portal A Redação desta terça-feira

A apreensão desses materiais representa uma medida importante no combate ao crime, já que as placas falsas são utilizadas em veículos roubados que são comercializados ou utilizados na prática de outros ilícitos. No curso da investigação foram identificados mais de 50 veículos roubados que tiveram as placas falsificadas por esta organização criminosa.

A Operação Migração II foi deflagrada pela DERFRVA no início do mês de dezembro, sob a coordenação do DELEGADO FÁBIO MEIRELES VIEIRA, e resultou no cumprimento de 24 mandados de prisão preventiva e 46 mandados de busca e apreensão. A titularidade desta Especializada é do DELEGADO GUSTAVO RIBEIRO COSTA RIGO GUIMARÃES.