Laudelina Inácio pode ser a primeira delegada a presidir a ABMCJ


laudelinainacioA delegada da Polícia Civil de Goiás Laudelina Inácio da Silva pode ser eleita amanhã,  sexta-feira, 21, a primeira delegada a presidir a Associação Brasileira das Mulheres de Carreira Jurídica (ABMJ). A eleição será simultaneamente em todas as capitais brasileiras, das 10 horas às 16 horas, e a chapa vencedora permanecerá à frente da entidade no triênio 2017/2020. Laudelina concorre na escolha com a desembargadora Nagila Brito, do Tribunal de Justiça da Bahia, que encabeça a outra chapa.

A delegada destaca que pretende dar continuidade à campanha de empoderamento das mulheres: “Quero mostrar a necessidade de se ampliar a participação das mulheres em cargos de destaque. Hoje somos muitas aprovadas nos concursos, estamos conseguindo nosso espaço, mas ainda são poucas as mulheres que chegam às funções mais relevantes”, pondera.

A candidata a vice-presidente na chapa de Laudelina é a advogada Manoela Gonçalves, da Comissão da Mulher Advogada da seccional goiana da Ordem dos Advogados do Brasil.

Fonte: Site da Polícia Civil do Estado de Goiás