Justiça autoriza e DECON doa mais de 3 mil peças de roupas apreendidas em operação policial

O prefeito Fabiano Queiroz Capuzzo e a secretária de Assistência Social, Fernanda Silveira Tavares Capuzzo, estiveram na DECON para receber a doação do titular desta Especializada, DELEGADO GYLSON MARIANO


Cerca de 3.200 peças de roupas foram doadas nesta terça-feira (26) pela DELEGACIA ESTADUAL DE REPRESSÃO A CRIMES CONTRA O CONSUMIDOR à Secretaria de Assistência Social da cidade de Campestre de Goiás, localizada a 55 quilômetros de Goiânia. O repasse foi feito com autorização do Poder Judiciário e coordenado pelo DELEGADO FREDERICO DIAS MACIEL (foto à direita).

Os lotes de camisas, camisetas, calças masculinas e femininas de marcas famosas pirateadas foram apreendidos por policiais daquela Especializada em julho de 2018 durante operação realizada em uma galeria da Rua 44, conhecido polo de confecção da Capital.

Para que a doação pudesse ser viabilizada, a Justiça determinou que fossem retiradas as etiquetas, marcas e símbolos das peças piratas. E assim foi feito, com auxílio de servidores da própria Prefeitura de Campestre (foto abaixo). O prefeito Fabiano Queiroz Capuzzo e a secretária de Assistência Social, Fernanda Silveira Tavares Capuzzo, estiveram na DECON para receber a doação do titular desta Especializada, DELEGADO GYLSON MARIANO.