Notícias

Decon autua escola e fábrica por fraude em energia elétrica

Delegacia do Consumidor em parceria com a Celg autua uma instituição de ensino e uma fábrica de embalagens, na quinta etapa da Operação Apagão, que combate o furto de energia elétrica em Goiás. A ação foi coordenada pelo delegado Frederico Dias Maciel.
Na escola, o lacre do medidor estava violado e o fio neutro estava desconectado. Na indústria de embalagens, foram encontrados indícios de instalação fraudulenta com objetivo de reduzir a contabilização do consumo de energia da unidade.
Os autores das fraudes poderão responder pela prática do crime previsto no artigo 155, parágrafo 3º do Código Penal, cuja pena pode chegar a quatro anos de reclusão e multa.
Sind. Decon
Sind. Decon 2

 

Botão Voltar ao topo